Inclusão social de pessoas com deficiência

 

Em 2001, o casal Iracema e Francisco Sogari perdeu sua primogênita Gabriele, então com seis anos de idade, vítima de um motorista embriagado. Para superar a dor e manter viva a memória da menina, nasceu o Instituto Gabriele Barreto Sogari. Já são 18 anos a serviço da pessoa com deficiência em situação de vulnerabilidade social.

 Se você quer participar deste projeto de resgate da cidadania da pessoa com deficiência, entre em contato conosco.